Inicial Institucional Empresa Candidato Vagas Anunciadas
Breve reflexão sobre o Desemprego

      Na atualidade, o desemprego é um dos tantos problemas enfrentados pela humanidade. O desemprego atinge a jovens, homens, mulheres, atinge aqueles que têm pouca escolaridade, mas também àqueles que têm mestrado e são bilíngües, trilingües... Para o desemprego não há idade, raça ou religião; ele simplesmente chega sem pedir licença.

     Este emprecilho atual desestrutura a economia familiar, impede o indivíduo de se aperfeiçoar profissionalmente, de realizar atividades culturais e, muitas vezes, restringe a alimentação e o acesso a bens essenciais.

     Mas não é só o fator sócio-econômico que entra no rol dos problemas causados pela falta de emprego; um fator pouco notado ataca fortemente o sujeito que se encontra nesta situação: o PSICOLÓGICO. Um cidadão inserido neste contexto é tomado por forte vergonha, desespero. A sensação de impotência também é grande, sentimento de culpa também está presente, pois, muitas vezes, o indivíduo acredita ser o responsável por tal situação.O desempregado tem a impressão que todos a seu redor estão empregados menos ele. Daí, facilmente, a auto-estima fica abalada, deste abalo pode surgir uma depressão e doenças oriundas deste estado psíquico.

     A sociedade confere um tom de fatalismo ao desemprego, acredita que este é um mal dos tempos pós-modernos e "temos" que aceitá-lo passivamente. Além disto, há uma massiva programação negativa acerca daqueles que não possuem os "requisitos" necessários para ocupar as vagas disponíveis. Através da mídia, da internet, das conversas são enviadas aos desempregados mensagens que dizem que o domínio do inglês é imprescindível, para quem domina o inglês há a necessidade de dominar uma outra língua (de preferência o mandarim). A tão almejada faculdade, já é coisa do passado, pois o requisito básico agora é a especialização, o MBA, o mestrado... No entanto, virtudes como assiduidade, honestidade, prudência, inteligência, pró-atividade ainda contam, e contam muito!

    Então, não se deixe abalar pela "falta de requisitos", muitas vezes você os tem, só não sabe ainda!

 

autor desconhecido

    

Publicação: 04/07/2012 15:29:25
Copyright © STAFF'S. Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização.
Versão 1.0 - desenvolvido por MEDsistemas.